Domingo, 3 de Junho de 2007

Sun on the Beach!

Não sei como é convosco mas a praia funciona como um forte afrodisíaco aqui para esta vossa menina. Não sei se é do calor, se da areia, se do sal, se do cheiro dos protectores (sim, porque eu sou branca tipo alforreca) se disto tudo junto. A questão é que funciona como um turn on. E de que maneira!

Há sempre aquele número do “não se importa, passa-me aí o creme pelas costas...?” Ok, eu sei que é uma daquelas pick-up lines vergonhosas, mas pronto... tem de ser! São infalíveis e no saque tudo é permitido!

Sempre ouvi dizer que os romances de verão ficam enterrados na areia. O que dizer dos engates estivais de fim-de-semana? São suficientemente importantes para se erguer um túmulo, uma lápide? Merecem mensagens post-morten?

A mim parece-me que as coisas que surgem assim do calor intenso das praias lusitanas devem esfriar depois de uma bela banhoca e da aplicação do refrescante after-sun..
.

Não há paciência para cremes pegajosos, para homens pegajosos e muito menos no Verão que há tanto para fazer, tanta praia para ir, tanto protector para espalhar....

TNT

publicado por TNT às 23:36
link do post | comentar | favorito
|
18 comentários:
De In a 3 de Junho de 2007 às 23:58
A praia tem o seu efeito tem.
O sol, a água, o calor, a areia... enfim, tem o seu efeito tem...
De TNT a 4 de Junho de 2007 às 10:44
Ah pois tem!
E este fim-de-semana esteve-se tão bem na praia...
De Perignon a 4 de Junho de 2007 às 00:50
E uma garrafa gelada de Dom Pérignon e dois flutes numa praia deserta?




Conheço o local perfeito:
37º, 21', 06.04" N
8º,50', 51.56" O

Come quickly, I am drinking the stars!
De TNT a 4 de Junho de 2007 às 10:47
Confesso que acho alguma graça à originalidade e ao champagne.
Porém, não faz o meu género darem-me coordenadas e eu seguir. Se me lê, devia saber isso...
O convite é tentador mas sinto-me obrigada a declinar pelos motivos apontados.
Some other time, some other place... I may consider it.
De Perignon a 5 de Junho de 2007 às 23:27
Se ainda poderá considerar, então vou andar por aí.
Desistir não é algo que me corra no sangue.


I hope you can drink with me...the stars
De TNT a 5 de Junho de 2007 às 23:31
Hum... gosto de homens que não desistem das suas convicções... Welcome to my domain, my dear...
De não me peçam para dizer o nome a 4 de Junho de 2007 às 02:03
já gostei mais de praia, já gostei muito até. hoje em dia prefiro refugiar-me em sítios mais frescos. o calor perturba-me, deixa-me bastante aflito. depois e para além do calor tórrido da praia, existe o perigo da poluição da água e da areia, dos raios solares mal filtrados pela camada de ozono, os polacos do garrafão, e a PDI (leia-se porra da idade).o fresco da sombra das arvores de sintra , um bom livro ao som dos pink floyd , é uma das maneiras idílicas de passar uma tarde de verão. há outras, mas estão todas muito longe do stress da praia. é verdade, a tradição já não é o que era, mas quem pode mudar as metamorfoses do tempo e da vida?
De TNT a 4 de Junho de 2007 às 10:49
Arvoredo em Sintra pode também ter o seu quê... Mas para os efeitos que falo, creio estar aquém das expectativas. Talvez para uma pós-situação...
De AlfmaniaK a 4 de Junho de 2007 às 04:38
Putz... já me aguçaste o espírito verão! (a Olá agradece concerteza)

Realmente não há pachorra para jogos de meia taça... ou é, ou não é. Quero é SOL!!!
De TNT a 4 de Junho de 2007 às 10:50
E eu lá estive este fim-de-semana a gozar os prazeres do Estio...!
De gomesh a 4 de Junho de 2007 às 11:36
Como até pensamos de forma semelhante (por vezes) eu refugio-me no facto que prefiro as pick up lines em inglês, ou mesmo francês... uma vez que soma menos "pimba, podemos dizer o que diríamos em Português sem parecer "sleazy"...

Eu diria "What happens on the beach; stays on the beach"... o calor é definitivamente um afrodiisíaco quando estamos ao ar livre (em casa queremos é ar condicionado)...

Por isso romances de fim de semana... deixa-os para trás... em Portugal até temos muitas horas de sol no verão... dá azo a diversos "weekend romances" - sem obrigação... sem compromisso... mas com muito juizinho...

Um bom Verão... eu hoje até vou escrever um post sobre o "Verão Inglês" ... mas mais tarde agora tenho trabalho...
De TNT a 4 de Junho de 2007 às 12:42
Pois claro! Ainda agora fiz o meu primeiro fim-de-semana em pleno na praia e já me querem ver ancorada... Há todo um areal a explorar!
De Risu a 4 de Junho de 2007 às 12:04
Pois é, há sempre uns felizardos/as que ganham o direito a dar e receber umas massages cremosas...
Mas, não foi o meu caso, t'ou aqui que nem posso, até o blusão de cabedal me custa vestir...
É verdade ! Sol, areia, e corpos semi-nus é uma agradavel mistura que também me atormenta os sentidos... Felizmente corro depressa e mergulho rápido..... KSSSSsssss e o fogo abranda
No meu caso, os romances de verão são ( por serem curtos) intensos e maravilhosamente esgotantes e quase sempre eternos. Como aliás todos os que acabam antes da extinção natural, isto é, antes do início da parvoeira.
Esses romances ficam sempre no meu peito (no lado esquerdo qu'é o bom ), mas como sou de peito feito tenho lugar para muitos mais.
Quero mais TNT's nas praias!
E longa vida aos cremes protectores...
De TNT a 4 de Junho de 2007 às 12:46
Não tenho uma caixa toráxica assim tão desenvolvida que me permita guardar tanto romance.
Para mim, vão pelo ralo enquanto tomo o duche de regreso à realidade...
De Kore a 4 de Junho de 2007 às 18:26
Tanta besunta por si só já é pegajosa que baste

Have fun!

Cheers,
Kore
De TNT a 5 de Junho de 2007 às 01:13
Whati??
De pedro alex a 5 de Junho de 2007 às 17:13
Néee, a praia “funciona” unicamente devido ao genesito reptiliano (nada de bichinho(a)s gelatinoso(a)s e pegajoso(a)s) escondido algures na cadeia do nosso DNA.
Precisamos do solzinho para aquecer o sangue…, e claro de quem nos ajude a por creme nas costas, não vá o ombro trair-nos e deslocar-se.
Tudo o que mais se disser é pura fantasia… Dios qui calor P:) (alusão ao outro texto eh eh)
De Portus a 15 de Junho de 2007 às 00:27
Ai....tantas vezes brinquei com essa frase...amores de verão....enterra-os na areia...mas o meu problema era que passava férias no interior onde não havia areia...então os amores de verão....ainda hoje..custam a enterrar.

Quanto à praia partilho do teu "turn on"...na tua descrição...faltou outro facto fundamental....a leve brisa que por vezes vem de encontro à nossa pele...quente do sol...

Para a semana...lá estarei...Vilamoura

Comentar post

.outros blogs da menina

. Interno Feminino

. Experimentámos

.pesquisar

 

.posts recentes

. 25 de Abril de 2012

. Petição "Impedir a Taxaçã...

. A Arte da Guerra

. Atenção lagartagem!

. Olhá boliiiinha!

. A propósito de redes soci...

. Thursday bloody Thursday

. Ensitel assim a dar para ...

. O enrabanço da EDP

. As crises

.Abril 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30

.arquivos

. Abril 2012

. Janeiro 2012

. Novembro 2011

. Julho 2011

. Abril 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

.tags

. todas as tags

.mais sobre mim

.visitas


.subscrever feeds